Toxina Botulínica - Veneno, Estética ou Botox para os olhos?

Respondendo a pergunta do título: Sim, a toxina botulínica poder ser veneno. Ela também é o famoso Botox, mas antes disso, foi utilizada pela Oftalmologia e Neurologia para correção de contrações musculares involuntárias.

Como tudo isso? Simples, veja.

Toxina botulínica é produzida pela bactéria Clostridium botulinum.

Quando do tipo E, é altamente perigosa. Se desenvolve em alimentos enlatados ou mal conservados. Nesta forma ela induz efeitos como fraqueza muscular progressiva, vomitos e paralisia, podendo ser fatal, quando a quantidade de toxina é alta.
O botulismo é causado pela ingestão de alimentos contaminados com neurotoxina pré-formada da bactéria C. botulinum.


Bactéria-Botulismo-3

Basicamente ela dificulta o envio de estímulos nervosos que produzem a contração muscular. Assim os musculos relaxam (mais que o normal).


imagem_03b02aa4288_estrabico

Mas essa característca da toxina é também de utilidade terapeutica. Foi primeiramente utilizada no tratamento de estrabismo.
Nos anos 80, foi usada na terapêutica de distúrbios musculares, como blefarospasmo, e outras distonias focais.  Porém esta toxina é a do tipo A ou B.




A toxina botulínica tipo A (C6760 H10447 N1743 O2010 S32) é um complexo protéico purificado, de origem biológica.
O sorotipo A é o reconhecido cientificamente como o mais potente e o que proporciona maior duração de efeito terapêutico.


botox-20110805-101913


E mais utilidade a esse agente paralizante foi acrescentada nas últimas décadas, nada mais, nada menos que o Botox.
A toxina atua impedindo a contração dos musculos faciais que causam rugas. Sem contração os musculos relaxam, e as rugas vão desaparecendo.


botox vs. fillers


O complexo da toxina é relativamente estável, especialmente a pH ácido (3,5 – 6,5), mas dissocia-se sob condições alcalinas e a sua atividade biológica fica comprometida. Por sua vez, os esporos de C. botulinum são altamente resistentes a temperaturas elevadas.
Apesar de resistente a altas temperaturas, quando presente em alimentos, pode ser eliminada durante o cozimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! Erros, dicas, sugestões, elogios? Comente sempre!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails